COMO RESPONDER COM SUCESSO A 11 DAS PERGUNTAS MAIS TENSAS E DIFÍCEIS NUMA ENTREVISTA DE EMPREGO :

  • Twitter
  • LinkedIn
  • Google+
“Controle seu destino antes que alguém o faça” 

A frase inspiradora do dia – de Jack Welch


VOCÊ ! Uma pessoa melhor e mais bem sucedida – esta é a causa pela qual trabalhamos apaixonadamente aqui no blog do Maluco:)

Nossa missão é te servir cada vez melhor com conteúdos úteis e muito relevantes capazes de contribuir para o aumento do seu valor pessoal e profissional.

Nossos maiores inimigos comuns são a falta de tempo, o stress, o tédio e a rotina nossa de cada dia.

VOCÊ – Uma pessoa mais bem preparada e confiante para enfrentar seus desafios – é o objetivo deste post.


Para ilustrar este post escolhi o quadro “Family talk at the table” de Bob Donrberg.

Este quadro é ao mesmo tempo uma sugestão para melhorar o seu preparo antes de entrevistas importantes.

Ele mostra uma família conversando ao redor da mesa – eis o que ele sugere :

Faça uma simulação prévia da entrevista com seus familiares, peça que eles lhe façam perguntas como se fossem os entrevistadores.

O preparo é parte da vitória, sempre – o esporte está cheio de exemplos que comprovam esta tese.


Alguma vez na sua vida já passou pela experiência de ser entrevistado para uma vaga de emprego?

Como foi sua experiência?

Normalmente as pessoas relatam essa experiência com uma tarefa para mãos úmidas, tamanho é o stress, a pressão, ansiedade e nervosismo que rondam o processo da entrevista. Você concorda com isso?

Um dos maiores motivos para tanto stress e nervosismo é ansiedade por se submeter a uma espécie de exame, onde a chance de errar é zero, não é mesmo?

Eu fiz uma rápida pesquisa para saber o que mais aflige um candidato antes de uma entrevista importante e descobri que os candidatos ficam tensos por não saberem que perguntas serão feitas durante a entrevista e como respondê-las de forma impactante.

Então eu usei minha experiência como entrevistador, como mentor e coach de carreiras, como palestrante motivacional e também como entrevistado e acabei gerando este post com a lista das onze perguntas mais frequentes numa entrevista de emprego e a melhor forma de respondê-las.


Veja a lista :

1-Fale-me sobre você mesmo :

Muitos candidatos se enroscam diante desta pergunta, pois sendo genérica e ampla ela acaba permitindo divagações que distanciam os candidatos do resumo de suas melhores qualificações por distração ou divagação.

A minha dica é : procure falar sobre você e sua experiência de uma forma que isto te posicione na mente do entrevistador como um excelente candidato – um profissional experiente e preparado para o cargo.

Seja objetivo, claro e conciso nessa resposta.

Termine sua apresentação resumindo como estas suas características te capacitam melhor para esta oportunidade.


2-Por que você quer trabalhar em nossa empresa?

O normal é as pessoas responderem a esta pergunta se limitando a elogiar a empresa ou descrever característica da mesma que o entrevistador já sabe.

Tente se diferenciar, respondendo que a principal razão foi o interesse mútuo que você percebeu ao enviar seu currículo e ao ser chamado pela empresa para a entrevista, num claro sinal de que você não poderia deixar escapar esta oportunidade.

Emende essa resposta dizendo como a missão, a visão e os valores da empresa que você pesquisou na internet se encaixam em seus valores pessoais e amarre a esta correspondência um sumário de suas qualidades profissionais para atingir tal missão.


3-Por que você está interessado nesta vaga e nesta posição?

A grande maioria dos candidatos se limita a tentar ligar esta pergunta aos seus planos pessoais de carreira e desenvolvimento profissional.

Vá além disso – para se diferenciar, responda como esta posição se encaixa dentro da sua proposta de agregar valor para a empresa, seja ajudando-a a atingir seus objetivos ou a ganhar mais dinheiro.

Mostre como no seu trabalho anterior ou no atual você aprendeu habilidades que te proporcionam melhor preparo para enfrentar este desafio e fazer a diferença.


4-Por que nós devemos te contratar e não um outro candidato?

Quase 100% dos candidatos se limita a responder esta pergunta detalhando sua lista de conquistas e realizações – coisas que o entrevistador já deve ter lido em seu currículo e comparado com os dos demais candidatos.

Fuja desta armadilha, procure responder dizendo que você talvez não seja a pessoa mais indicada para se comparar com os outros candidatos por não saber quem são e quais as suas qualificações comparativas.

Em seguida demonstre a maior confiança possível para o entrevistador dizendo que além das realizações que você já descreveu no currículo, você se acha capaz de se diferenciar por qualidades e atributos complementares (liste as que melhor te descrevam) como capacidade de liderança, habilidade de comunicação, flexibilidade, capacidade de adaptação e forte senso de equipe por exemplo.


5- Quais são seus maiores pontos fortes?

Muitos candidatos tentam impressionar dizendo que eles são ligados a uma grande capacidade de trabalho, revelando desconhecerem eles mesmos suas maiores fortalezas.

Antes da entrevista, prepare uma lista dos seus pontos fortes, ordene-a por importância e na hora da entrevista fale sobre seus três maiores pontos fortes, descrevendo como eles te diferenciam e destacam no trabalho.


6-Conte-me sobre seu trabalho de maior sucesso em sua carreira:

Muitos candidatos que não se preparam previamente para a entrevista acabam se perdendo e listando de forma prolixa uma série de atividades que fizeram para tentar impressionar.

Para se diferenciar, pense no maior de todos os seus sucessos em toda a sua carreira e estruture sucintamente a sua resposta da seguinte forma :

– Conte o problema que você enfrentou, fale dos obstáculos que tinha em sua frente, detalhe a solução que você encontrou e finalize mostrando como você a implementou e qual o resultado positivo que você gerou.


7-Conte-me sobre um grande erro que você tenha cometido em sua carreira

Várias pessoas tremem quando escutam esta pergunta, com medo de se perderem na resposta e acabam até falando de suas falhas mas colocando a culpa delas em outras pessoas.

Não caia nesta armadilha, puxe de sua memória uma situação relevante onde você tenha falhado, mas ao invés de fazer o seu entrevistador lembrar da sua falha, faça-o comentar com os outros sobre a grande lição que você aprendeu com a falha e aplicou na sua vida profissional.

Resuma sua falha assim : este foi o erro que cometi e isto foi o que eu aprendi com ele e o que eu fiz de bom com este aprendizado.


8-Qual é a sua exigência salarial?

Aqueles candidatos que estão empregados tendem a aplicar um percentual bem acima do que ganham hoje na tentativa de obter alguma vantagem financeira com a mudança.

Já os candidatos que estão desempregados tendem a pedir um valor inferior à media do mercado, na expectativa de que isto os torne atraentes em termos de valor.

Eu recomendo que você nem super estime nem sub estime valores em sua resposta.

Se possível tente responder esta pegunta usando as estratégias abaixo, nesta ordem :

1-Diga que está aberto a ouvir uma proposta da empresa, tentando sondar de forma sutil qual seria essa proposta.

2-Se o entrevistador insistir em uma resposta, use o máximo do seu bom senso, peça um pouco além do valor médio oferecido pelo mercado (que você já deve ter pesquisado antes da entrevista) para a posição e esteja disposto a negociar se necessário.

Leve em conta o custo de vida, dependendo das mudanças exigidas pelo novo emprego, a possibilidade de ganhar um pouco mais do que ganha e o quanto a mudança representaria de valor indireto para sua vida e carreira (benefícios, bônus adicionais,..,)


9-Que plano você tem para sua carreira daqui a 5 anos?

Os candidatos que pior se saem nesta resposta são aqueles que demonstram uma descabida ambição a ponto de fazer o entrevistador se sentir ameaçado pelo candidato ou aqueles que demonstram que gostariam de estar no mesmo lugar no intervalo de cinco anos.

O melhor é você tentar calibrar a sua resposta – nunca demonstre conformismo e desejo de estabilidade – demonstre um genuíno interesse de crescer profissionalmente e para isto aproveitar todas as oportunidades que a empresa oferecer, através de promoções conseguidas por uma performance superior.


10- Por que você está querendo deixar seu trabalho atual ? (no caso de você estar empregado hoje)

Não caia no erro de fazer como muitos candidatos que aproveitam esta pergunta para desabafar e desqualificar seu empregador atual – fazendo criticas à atual empresa ou aos chefes atuais – e nunca revele informações estratégicas confidenciais que possam estar fazendo a empresa ter que dispensar funcionários.

Ao invés disso, foque sua resposta em como você vê na possibilidade de mudança uma oportunidade de crescer pessoal e profissionalmente, mais até do que na empresa atual, sinalizando que deseja mudar de uma boa organização para outra melhor ainda.


11-Existe alguma pergunta que você gostaria de fazer?

Esta costuma ser a última pergunta numa entrevista de emprego e uma das suas melhores oportunidades para brilhar na entrevista.

Evite fazer como muitos – perguntar ao entrevistador qualquer coisa que poderia ser descoberta numa pesquisa ao site da empresa.

Procure elaborar uma pergunta inteligente relacionada à estratégia da empresa, ao cenário competitivo onde ela se encontra ou então pergunte o que fizeram as pessoas que tiveram mais sucesso e ou mais fracasso nessa mesma posição em oportunidades anteriores.


Por fim, nunca vá para uma entrevista sem se preparar – elabore um roteiro prévio pensando nas onze perguntas possíveis acima e seja o mais natural possível na hora da entrevista – quanto mais natural, menos tenso e nervoso você fica e maiores as suas chances de sucesso.


Para trilha sonora deste post escolhi uma das melhores músicas para se ouvir antes de uma entrevista de emprego – ela gera uma sensação maior de confiança e força :

Ouça DIAS MELHORES – Jota Quest :

obs-a inspiração deste post veio de uma combinação de minhas ideias e experiências pessoais com entrevistas com um excelente artigo que vi na revista american FastCompany

Sobre Mauro Condé [ MaLuCo:) ] 2636 Articles
Nascido em Belo Horizonte, Mauro Lúcio Condé carrega uma bagagem profissional de muito prestígio. De simples operário, Condé chegou à diretoria da General Eletric e também passou por grandes empresas como EDS e GEVISA, mas consagrou de vez sua carreira no Citibank, do qual foi Diretor Executivo de Qualidade e depois como executivo do Banco Itaú e Telefônica. As mais de quatro décadas de experiências levaram Mauro Condé a abrir sua própria empresa de consultoria e ministrar palestras no Brasil e no mundo.
Contato: Twitter

Seja o primeiro a comentar

Deixe uma resposta

Seu e-mail não será divulgado.


*